Fundação Cultural Cassiano Ricardo

Filme: Menino 23 - Infâncias Perdidas no Brasil | Foto: Divulgação 

A Fundação Cultural Cassiano Ricardo passa a realizar, este mês, o Projeto Casa com Cinema, que será desenvolvido na Casa de Cultura Flávio Craveiro, no bairro Dom Pedro I, região sul da cidade. A atividade consiste na exibição de filmes e documentários independentes que sugerem ao público uma reflexão sobre problemas e situações reais da sociedade atual e até mesmo de acontecimentos históricos.

As sessões são gratuitas e acontecem todas as terças-feiras, às 19h30, no teatro da casa de cultura (onde não é permitida a entrada com alimentos). A exibição do material é viabilizada pela plataforma VideoCamp, que oferece gratuitamente diversos títulos.

Confira a programação:

Dia 3 – Menino 23: Infâncias Perdidas no Brasil
O longa é dirigido por Belisario Franco e conta um fato pouco conhecido da história do Brasil, em 1930, sobre uma fazenda do interior de São Paulo, que teria ligação com o nazismo. Segundo a narrativa, 50 meninos negros teriam sido explorados no local, após serem retirados de um orfanato no Rio de Janeiro. O documentário traz relatos de dois sobreviventes, um deles Aloísio Silva, o menino 23. Classificação 10 anos.

Dia 10 – Nunca Me Sonharam
Documentário que retrata a realidade de adolescentes que estão no ensino médio e contam como é lidar com os desafios do presente e as expectativas para o futuro, fazendo uma reflexão sobre a importância e o papel da educação. O documentário tem direção de Cacau Rhoden. Classificação livre.

Dia 17 – Mãe Só Há Uma
Conta a história do adolescente Pierre, que após descobrir, por meio de uma denúncia anônima, que foi roubado na maternidade, se vê obrigado a trocar de família, de nome, casa, escola e muito mais; enquanto lida com as descobertas e dificuldades da juventude. Classificação 16 anos.

Dia 29 – Dançando com a Diferença – ROAD
O documentário será exibido para comemorar o Dia Internacional da Dança (29). Após três meses acompanhando o projeto de Henrique Amoedo, no Teatro Viriato (Viseu, Portugal), o diretor Zito Marques registrou a aplicação do conceito de dança inclusiva. Classificação livre.

Plataforma VideoCamp

A plataforma VideoCamp é uma iniciativa sem fins lucrativos que visa divulgar e fomentar a exibição de filmes independentes, promovendo e democratizando a informação e a cultura. São filmes que provocam o debate e a reflexão sobre temas relevantes para a sociedade, como por exemplo, racismo, desigualdade social, educação, entre outros.

Para ter acesso ao conteúdo disponibilizado pela plataforma, é necessário fazer um cadastro e adquirir uma autorização para exibir os filmes, qualquer pessoa pode se inscrever. Para mais informações acesse www.videocamp.com. 

Casa de Cultura Flávio Craveiro
Av. Lênin, 200 – Dom Pedro I
(12) 3903-2298

Programação



Links