Fundação Cultural Cassiano Ricardo

A Fundação Cultural Cassiano Ricardo comemora, este mês, o centenário de nascimento da figureira Eugênia da Silva, joseense de nascimento e falecida em 1999, aos 81 anos. Uma exposição de figuras de barro, de sua autoria, está sendo montada na casa de cultura que leva seu nome, no Parque Novo Horizonte (região leste), e será aberta nesta sexta-feira (8). A homenagem integra ações do Programa Memórias, desenvolvido pela instituição.

Além de contar a história de vida da figureira, a exposição também terá trabalhos das figureiras que participam da oficina de modelagem em argila, realizada na casa de cultura. Eugênia nasceu em São José dos Campos e tornou-se referência na arte popular do Vale do Paraíba. Suas obras estão expostas em museus do Vale do Paraíba, de São Paulo, do Rio de Janeiro e também no exterior.

Para a figureira Maria José Oliveira, de 74 anos, Eugênia da Silva deixou um legado e as pessoas devem olhar com valor para o seu trabalho, pois ela lutou para poder deixar essa arte”, ressalta. Maria José começou a produzir suas figuras aos seis anos de idade, junto com seus dez irmãos, e lembra que antigamente era costuma passar este saber de família para família.

“Hoje, a falta de interesse das pessoas faz com que o nosso trabalho não seja tão conhecido. A oficina oferecida pela Fundação Cultural é uma boa oportunidade para continuarmos no ofício”, ressalta Maria José.

Casa de Cultura Eugênia da Silva

Rua dos Carteiros, 110 – Parque Novo Horizonte

(12) 3907-8024

 

Programação



Links