Fundação Cultural Cassiano Ricardo

O dramaturgo Plínio Marcos será o centro de duas atrações programadas pela Fundação Cultural Cassiano Ricardo para este sábado (16), a partir das 20h, no Centro de Estudos Teatrais (CET). A primeira delas será uma palestra, ‘Plínio Marcos, relatos do repórter de um tempo mau’, e a segunda uma peça teatral, ‘O Bicho de São Sereré’. As duas atrações são gratuitas e a recomendação etária é de 14 anos.

A palestra foi produzida por Ricardo Barros, um dos três filhos de Plínio Marcos, considerado o autor mais censurado e um dos maiores nomes do teatro brasileiro. Plínio produziu mais de 26 peças, todas conhecidas nacionalmente. Seus espetáculos teatrais foram censurados antes e durante a ditadura militar, por retratar a realidade de pessoas à margem da sociedade.

Além de ser produtor cultural, Ricardo Barros também é representante legal da obra de seu pai e desde 2001 ministra a palestra, como forma de mostrar a importância do seu trabalho. “As obras dele são atuais e, mesmo depois de cinquenta anos, retratam o cenário de um país que nunca muda”, enfatiza Ricardo.

A peça ‘O Bicho de São Sereré’, criada em 2013 e produzida por Claudio Rogério da Silva (conhecido como Cláudio Koca), é uma adaptação do romance de bolso ‘Prisioneiro de Uma Canção’, de Plínio Marcos. A peça faz referência às pessoas que vivem da arte, que não conseguem largar o trabalho artístico, destacando o otimismo de Plínio Marcos, apesar das dificuldades e frustrações.

A apresentação tem 60 minutos e possibilita interação com o público por meio da história do personagem Frajola, um saltimbanco que sonha em ser ator e sobrevive da venda de livros de sua autoria nas ruas de São Sereré.

Centro de Estudos Teatrais

Av. Olivo Gomes, 100 – Parque da Cidade – Santana

(12) 3924-7300

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Programação

 

 

Links